Forças iraquianas realizam ofensiva para expulsar Estado Islâmico de Mosul

Por Babak Dehghanpisheh e Maher Chmaytelli

BAGDÁ (Reuters) - Forças do governo do Iraque, com apoio aéreo e terrestre da coalizão liderada pelos Estados Unidos, iniciaram uma ofensiva nesta segunda-feira para expulsar o Estado Islâmico da cidade de Mosul, último grande reduto dos militantes no país.

Helicópteros realizaram ataques e explosões puderam ser ouvidas da entrada leste da cidade, onde militantes curdos seguiram para tomar vilarejos periféricos, disse um correspondente da Reuters.

Os Estados Unidos preveem que o Estado Islâmico sofrerá uma grande derrota, conforme forças iraquianas realizam a maior operação desde que os EUA retiraram suas tropas, em 2011.

Cerca de 30 mil soldados iraquianos, milícias curdas peshmerga e combatentes tribais sunitas participam da ofensiva para afastar de 4 a 8 mil militantes do Estado Islâmico de Mosul, cidade com 1,5 milhão de habitantes.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos