Tite mantém base para encarar Argentina e Peru e montará esquema anti-Messi

RIO DE JANEIRO (Reuters) - O técnico Tite, da seleção brasileira, disse nesta sexta-feira que irá montar para o clássico contra a Argentina pelas eliminatórias da Copa do Mundo um esquema que busque limitar as ações do astro argentino Lionel Messi, apontado pelo treinador como melhor jogador do mundo na atualidade.

Segundo Tite, essa estratégia será coletiva e não haverá marcação individual sobre o jogador do Barcelona. Para o treinador, entregar a missão de marcar Messi a apenas um jogador seria desumano.

“A gente não tira de um grande a virtude e vamos diminuir as ações, e esse vai ser um trabalho coletivo”, disse Tite a jornalistas após anunciar a lista de 24 jogadores para os confrontos com Argentina e Peru, pelas eliminatórias da Copa do Mundo da Rússia.

"É desumano colocar essa obrigação de que um jogador vai parar um jogador... Tem que ter marcação, cobertura, tirar links, tirar área e espaço e fazer ações com bola e sem bola.”

Tite afirmou que pretende conversar especificamente com Daniel Alves e Neymar para obter detalhes e informações que possam ajudar na marcação do camisa 10 da Argentina. Daniel está Juventus, da Itália, mas durante anos atuou no Barcelona, enquanto Neymar é um dos principais parceiros de Messi na equipe catalã.

"Vou buscar esse papo com certeza e claro que vou falar com eles. Todas as informações possíveis para interpretá-las vou buscar”, disse Tite.

O Brasil lidera as eliminatórias sul-americanas para o Mundial da Rússia e, desde que Tite assumiu o comando da equipe, tem quatro vitórias em quatro jogos, pulando da sexta posição antes da chegada do treinador para o primeiro lugar agora.

O jogo diante dos argentinos em Belo Horizonte, no dia 10 de novembro, terá alguns ingredientes especiais além das presenças de Neymar e Messi. Esse será o primeiro duelo entre Brasil e Argentina de Tite e marcará a volta da seleção ao Mineirão, palco da derrota por 7 x 1 para Alemanha nas semifinais da Copa do Mundo de 2014.

“Estou vivendo um sonho que todo técnico gostaria... É uma realização e participar de um jogo de tamanha história, peso e qualidade... Honra é o adjetivo”, resumiu Tite em tom emocionado.

“A cereja do bolo não será a Argentina... pode ser quando a gente classificar e em primeiro lugar (para a Copa) lá na frente.”

Sobre o retorno ao local onde o Brasil sofreu a pior derrota da história da seleção, Tite afirmou que o vexame diante da Alemanha está na história, ao mesmo tempo que fez a avaliação de que o trauma já foi superado.

“A vida é aprendizado não só com sucesso mas com insucesso também... O resultado negativo não foi de uma equipe e de uns jogadores, mas de todos nós... se aprende com virtudes, acertos e fatos negativos”, resumiu.

“O trabalho psicológico parece que já foi colocado e vem sendo feito... Dois anos se passaram, várias circunstâncias se passaram e serve de maturidade, crescimento e essa é uma constatação: isso aconteceu e passou. É no mesmo palco e em outras circunstâncias."

Tite convocou 24 jogadores para os jogos contra argentinos e peruanos, uma vez que Casemiro sofreu uma fratura recentemente, e ainda não se sabe qual será a condição física do jogador do Real Madrid para as partidas pelas eliminatórias.

Veja a lista de convocados:

GOLEIROS:

Alisson (Roma)

Alex Muralha (Flamengo)

Weverton (Atlético Paranaense)

ZAGUEIROS:

Gil (Shandong Luneng)

Marquinhos (Paris Saint-Germain)

Miranda (Inter de Milão)

Rodrigo Caio (São Paulo)

Thiago Silva (Paris Saint-Germain)

LATERAIS:

Daniel Alves (Juventus)

Fagner (Corinthians)

Filipe Luís (Atlético de Madri)

Marcelo (Real Madrid)

MEIAS:

Casemiro (Real Madrid)

Fernandinho (Manchester City)

Giuliano (Zenit São Petersburgo)

Lucas Lima (Santos)

Philippe Coutinho (Liverpool)

Renato Augusto (Beijing Guoan)

Willian (Chelsea)

Paulinho (Guangzhou Evergrande)

ATACANTES:

Roberto Firmino (Liverpool)

Gabriel Jesus (Palmeiras)

Douglas Costa (Bayern de Munique)

Neymar (Barcelona)

(Reportagem de Rodrigo Viga Gaier)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos