Cristiano Ronaldo e Messi travam novo duelo pela Bola de Ouro; Neymar é único brasileiro indicado

(Reuters) - Cristiano Ronaldo e Lionel Messi vão travar mais uma batalha pelo título de melhor jogador do mundo, após ambos terem sido selecionados nesta segunda-feira entre os 30 finalistas ao prêmio Bola de Ouro de 2016.

O argentino do Barcelona, que conquistou o prêmio pela quinta vez no ano passado, e o português do Real Madrid, três vezes ganhador do troféu, conquistaram todas as Bolas de Ouro entregues desde 2007, quando o brasileiro Kaká, então no Milan, foi o ganhador.

Apesar de uma queda de rendimento na atual temporada, Cristiano Ronaldo, que liderou Portugal na conquista da Euro 2016 e o Real Madrid na vitória na Liga dos Campeões na temporada passada, é o maior favorito a recuperar a coroa.

Ele está entre os seis jogadores do Real Madrid na lista, ao lado de Gareth Bale, Toni Kroos, Luka Modric, Sergio Ramos e Pepe, à medida que o time campeão europeu tem mais finalistas do que qualquer outro clube.

Messi e seus companheiros de ataque no Barcelona Neymar e Luis Suárez, que juntos marcaram mais de uma centena de gols em 2016, representam o time catalão ao lado do meio-campista Andrés Iniesta.

O Leicester City, que conquistou o título inglês de forma surpreendente, está representado na lista pelo atacante Jamie Vardy e pelo meia Riyad Mahrez.

A França, com Antoine Griezmann, Hugo Lloris, Dimitri Payet e Paul Pogba, e a Argentina, com Messi, Gonzalo Higuaín, Sergio Aguero e Paulo Dybala, são os países com o maior número de indicados, com quatro jogadores cada.

A revista France Football, que entrega a Bola de Ouro anualmente desde 1956, vai anunciar o vencedor em janeiro. Pelos últimos seis anos o prêmio foi chamado Bola de Ouro Fifa, mas a federação internacional de futebol decidiu encerrar sua associação com a premiação em setembro.

Veja a lista de indicados:

Sergio Aguero (Manchester City/Argentina)

Pierre-Emerick Aubameyang (Borussia Dortmund/Gabão)

Gareth Bale (Real Madrid/País de Gales)

Gianluigi Buffon (Juventus/Itália)

Kevin De Bruyne (Manchester City/Bélgica)

Paulo Dybala (Juventus/Argentina)

Diego Godin (Atlético de Madri/Uruguai)

Antoine Griezmann (Atlético de Madri/França)

Gonzalo Higuaín (Juventus/Argentina)

Zlatan Ibrahimovic (Manchester United/Suécia)

Andrés Iniesta (Barcelona/Espanha)

Koke (Atlético de Madri/Espanha)

Toni Kroos (Real Madrid/Alemanha)

Robert Lewandowski (Bayern de Munique/Polônia)

Hugo Lloris (Tottenham Hotspur/França)

Riyad Mahrez (Leicester City/Argélia)

Lionel Messi (Barcelona/Argentina)

Luka Modric (Real Madrid/Croácia)

Thomas Muller (Bayern de Munique/Alemanha)

Manuel Neuer (Bayern de Munique/Alemanha)

Neymar (Barcelona/Brasil)

Dimitri Payet (West Ham/França)

Pepe (Real Madrid/Portugal)

Paul Pogba (Manchester United/França)

Sergio Ramos (Real Madrid/Espanha)

Rui Patrício (Sporting/Portugal)

Cristiano Ronaldo (Real Madrid/Portugal)

Luís Suarez (Barcelona/Uruguai)

Jamie Vardy (Leicester City/Inglaterra)

Arturo Vidal (Bayern de Munique/Chile)

(Reportagem de Ian Chadband)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos