Maduro faz visita inesperada ao papa Francisco

CIDADE DO VATICANO (Reuters) - O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, fez uma visita não anunciada ao Vaticano nesta segunda-feira e se encontrou com o papa Francisco, que fez um apelo ao líder venezuelano para que abra um diálogo para resolver a crise em seu país.

Em um comunicado, o Vaticano disse que o encontro privado com o pontífice "ocorreu no quadro da situação preocupante da crise política, econômica e social que o país está atravessando e que está pesando bastante sobre a população inteira".

O Vaticano acrescentou que o papa, que é argentino, fez um apelo ao presidente da Venezuela para "corajosamente tomar o caminho do diálogo sincero e construtivo".

A visita ao Vaticano de Maduro, que tem viajado por diversos países produtores de petróleo, não havia sido anunciada anteriormente.

(Reportagem de Philip Pullella)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos