Santo Antônio Energia tem rating rebaixado pela S&P, com perspectiva negativa

SÃO PAULO (Reuters) - A Santo Antônio Energia, responsável pela construção e operação da hidrelétrica de Santo Antônio, em Rondônia, teve seu rating de crédito rebaixado pela Standard & Poor's, com perspectiva negativa, segundo relatório da agência divulgado nesta terça-feira pela companhia.

A avaliação atribuída aos 700 milhões de reais em debêntures emitidas pela companhia, com vencimento final em 2022 e 2024, foi rebaixada para `brCCC+`, ante `brBBB-` anteriormente.

A S&P disse que a medida reflete uma cláusula do contrato de financiamento da hidrelétrica junto ao Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), que prevê aceleração da dívida da empresa caso um dos intervenientes do contrato entre em processo de recuperação judicial.

"Desse modo, equiparamos o rating das debêntures... à qualidade de crédito do interveniente mais fraco do projeto", explicou a agência. Já a perspectiva negativa foi atribuída "ao risco de uma maior deterioração na liquidez dos intervenientes".

A Santo Antônio Energia tem como acionistas a elétrica mineira Cemig, a estatal Furnas, da Eletrobras, e a Odebrecht Energia, além do Caixa FIP Amazônia Energia e da SAAG Investimentos.

(Por Luciano Costa)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos