Twitter planeja cortar 8% da força de trabalho, diz Bloomberg

(Reuters) - O Twitter planeja cortar 8 por cento de sua força de trabalho, ou cerca de 300 funcionários, publicou a Bloomberg, citando fontes com conhecimento do assunto.

Os cortes podem ser anunciados quando a empresa divulgar resultado de terceiro trimestre na quinta-feira e o número de vagas afetadas pode mudar, afirmou a Bloomberg.

Uma representante do Twitter não comentou o assunto. A empresa empregava um total de 3.860 funcionários até o final de junho.

No ano passado, o Twitter anunciou planos para cortar 336 funcionários, uma semana depois que Jack Dorsey, co-fundador da empresa assumiu como como presidente-executivo permanente.

O Twitter contratou bancos no mês passado para buscar ofertas para uma venda da empresa. A companhia de mídia social tem valor de mercado de cerca de 12,76 bilhões de dólares e tem prejuízo de cerca de 400 milhões por ano.

(Abinaya Vijayaraghavan e Subrat Patnaik em Bangalore, Índia)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos