Mercados chineses sobem com leitura forte do PMI oficial da indústria

XANGAI/HONG KONG (Reuters) - Os mercados chineses interromperam quatro sessões de queda e fecharam em alta nesta terça-feira, depois que uma pesquisa oficial mostrou que o setor industrial do país cresceu a um ritmo mais rápido do que o esperado em outubro.

O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, subiu 0,68 por cento e o índice de Xangai teve alta de 0,69 por cento.

O Índice de Gerentes de Compras (PMI) oficial da indústria da China atingiu 51,2 em outubro, o ritmo mais rápido em mais de dois anos, ante 50,4 no mês anterior e acima da marca de 50 pontos que separa o crescimento da contração.

Os dados da China ajudaram o principal índice da região a recuperar as perdas iniciais, mas os investidores se mantiveram afastados com a campanha presidencial dos Estados Unidos entrando em sua última semana.

O índice MSCI, que reúne ações da região Ásia-Pacífico com exceção do Japão, tinha alta de 0,41 por cento às 7:34, após ter alcançado mais cedo a mínima desde 19 de setembro, em uma impressionante virada intradia de quase 1 por cento.

. Em TÓQUIO, o índice Nikkei avançou 0,10 por cento, a 17.442 pontos.

. Em HONG KONG, o índice HANG SENG subiu 0,93 por cento, a 23.147 pontos.

. Em XANGAI, o índice SSEC ganhou 0,69 por cento, a 3.122 pontos.

. O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em XANGAI e SHENZHEN, avançou 0,68 por cento, a 3.358 pontos.

. Em SEUL, o índice KOSPI teve desvalorização de 0,04 por cento, a 2.007 pontos.

. Em TAIWAN, o índice TAIEX registrou baixa de 0,19 por cento, a 9.272 pontos.

. Em CINGAPURA, o índice STRAITS TIMES desvalorizou-se 0,01 por cento, a 2.813 pontos.

. Em SYDNEY o índice S&P/ASX 200 recuou 0,51 por cento, a 5.290 pontos.

(Por Saikat Chatterjee, Luoyan Liu e John Ruwitch)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos