Setor de serviços da China cresce no ritmo mais rápido em 4 meses, aponta PMI do Caixin

PEQUIM (Reuters) - O setor de serviços da China cresceu no ritmo mais forte em quatro meses em outubro uma vez que os novos negócios aceleraram, encorajando as empresas a contratar mais trabalhadores, mostrou a pesquisa Índice de Gerentes de Compras (PMI, na sigla em inglês) do Caixin Markit.

O dado, junto com leituras positivas oficiais sobre os setores de indústria e serviços divulgadas nesta semana, ampliam a visão de que a segunda maior economia do mundo está em um ritmo mais estável.

O PMI de serviços do Caixin/Markit subiu para 52,4 em outubro contra 52,0 em setembro, registrando o patamar mais forte desde junho. Leitura acima de 50 indica expansão da atividade.

As empresas de serviços registraram o crescimento mais forte dos novos trabalhos desde junho, embora o ritmo ainda tenha sido modesto. Algumas companhias atribuíram a melhora a condições mais favoráveis do mercado e a um aumento da demanda associado.

As empresas aumentaram a força de trabalho pelo segundo mês seguido, e no ritmo mais forte desde janeiro, ainda que o aumento tenha sido moderado.

(Reportagem de Yawen Chen e Nicholas Heath)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos