Sírio preso na Alemanha recebeu instruções do Estado Islâmico para ataque, dizem procuradores

BERLIM (Reuters) - Um sírio preso em Berlim é suspeito de pertencer ao Estado Islâmico e ter recebido instruções do grupo para realizar um ataque na Alemanha, informou a Procuradoria Federal alemã nesta quinta-feira.

A polícia informou na quarta-feira que o homem, identificado pela procuradoria somente como Ashraf Al-T, de 27 anos, morava em Berlim desde o ano passado. Ele foi preso em um apartamento no bairro de Schoenenberg, em Berlim.

Serviços de segurança da Alemanha estão em alerta máximo após dois ataques de militantes islâmicos. Em outubro, um refugiado sírio foi preso por suspeita de planejar um grande ataque em Berlim após a polícia encontrar explosivos em seu apartamento.

(Reportagem de Joseph Nasr)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos