Academia define 2 produtores que vão trabalhar na cerimônia do Oscar pela 1ª vez

LOS ANGELES (Reuters) - A Academia de Artes e Ciências Cinematográficas nomeou nesta sexta-feira dois produtores, que vão pela primeira vez exercer a função no Oscar, para a cerimônia do ano que vem, o primeiro passo para o planejamento da cerimônia e para a escolha do apresentador.

Os produtores de TV e filmes de Hollywood Michael De Luca e Jennifer Todd vão produzir a cerimônia de 26 de fevereiro, que será televisionada para todo o mundo, disse a Academia em comunicado.

Será a primeira que vez que De Luca, produtor de filmes como “A Rede Social” e “Cinquenta Tons de Cinza”, e Todd, que trabalhou na franquia de comédia “Austin Powers”, vão produzir a cerimônia do Oscar, quando o principal prêmio da indústria cinematográfica é entregue.

Dawn Hudson, principal executiva da Academia, disse que os dois “compartilhavam uma visão inicial da cerimônia que era inspiradora e de acordo com os filmes que eles produziram: divertida, inesperada e do calibre mais alto".

A Academia, de forma pouco comum, demorou neste ano em anunciar os produtores, e o apresentador da cerimônia.

O apresentador de programa de entrevistas e comediante Jimmy Kimmel tem sido bastante mencionado como um potencial apresentador, mas a revista Variety disse nesta sexta que Kimmel é agora tido como fora da corrida.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos