Incerteza pressiona preço no mercado livre de energia elétrica, diz AES Tietê

SÃO PAULO (Reuters) - A geradora AES Tietê prevê que o preço de contratos no mercado livre de eletricidade para fornecimento em 2018 deverá variar entre 140 e 170 reais por megawatt-hora, mas com incertezas levando as cotações para a faixa superior desse intervalo.

Em teleconferência com investidores nesta sexta-feira, executivos da elétrica, controlada pela norte-americana AES, ressaltaram que ainda há muitas dúvidas sobre o cenário hidrológico e de carga que devem pressionar os preços.

Questões regulatórias também entram nessa lista, como uma alteração nos parâmetros de cálculo dos preços spot da energia que o governo já anunciou que está em estudo para implementação em 2017.

"A hidrologia abaixo da média de longo prazo, a revisão da carga... incertezas quanto ao (fenômeno climático) La Ninã e a metodologia de formação de preços de curto prazo poderão trazer incertezas ao mercado, o que pressionará os preços", afirmou o presidente da AES Brasil, Julian Nebreda.

(Por Luciano Costa)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos