Espanha diz líder do ETA separatista basco preso na França

MADRI (Reuters) - A Espanha disse que as forças de segurança do país prenderam o chefe do grupo separatista basco ETA no sudoeste da França, em uma operação conjunta entre o serviço de inteligência nacional francês e a polícia espanhola.

Mikel Irastorza foi detido em uma casa em Ascain, uma vila perto dos Pireneus, disse o Ministério do Interior espanhol, em um comunicado, acrescentando que o homem de 41 anos estava fugindo das autoridades e é o líder da organização ilegal.

A operação permanece aberta e pode resultar em mais detenções, disse o ministério.

O ETA foi formado no final dos anos 1950 durante a ditadura de Francisco Franco e visa estabelecer um Estado independente basco no norte da Espanha e sul da França. O grupo matou centenas de pessoas ao longo de várias décadas através de bombardeios e assassinatos em estilo de execução.

O ETA, no entanto, foi severamente enfraquecido nos últimos anos depois que centenas de seus membros foram presos e algumas de suas armas foram apreendidas. Ele anunciou um cessar-fogo unilateral em 2011 e prometeu entregar suas armas.

(Reportagem de Sonya Dowsett)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos