Partido Social Democrata alemão pressiona por novas regras de imigração

BERLIM (Reuters) - O Partido Social Democrata (SPD) da Alemanha, sócio da coalizão do chanceler Angela Merkel, vai anunciar na segunda-feira um plano de um sistema baseado em pontos para regular a imigração, disse um alto funcionário do partido.

Thomas Oppermann, que lidera os partido no parlamento alemão, disse que o objetivo é aprovar a nova lei que regula a imigração por trabalhadores qualificados de fora da União Europeia antes das eleições nacionais de setembro de 2017.

"O núcleo da lei é um sistema de pontos modelado no sistema canadense", disse Oppermann ao jornal Bild am Sonntag. A lei não mudaria as regras sobre refugiados e imigrantes que pediram asilo na Alemanha, disse ele.

Oppermann disse que o plano avaliaria os pedidos de imigração com base na idade, na educação, na experiência profissional, nas competências linguísticas e na capacidade de integração na sociedade alemã, com o objectivo de permitir a entrada de 25 mil imigrantes no primeiro ano.

(Reportagem de Andrea Shalal)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos