Relator do Orçamento de 2017 diz que repatriação permitirá menos cortes

(Reuters) - Os recursos da chamada repatriação vão permitir menos cortes na proposta orçamentária de 2017 que será enviada ao Congresso, disse nesta terça-feira o relator do Orçamento, senador Eduardo Braga (PMDB-AM).

Segundo nota divulgada pela assessoria do senador, após encontro com o ministro interino do Planejamento, Dyogo Oliveira, os cortes avaliados em 13 bilhões de reais serão reduzidos para 3 a 4 bilhões de reais.

O governo arrecadou 46,8 bilhões de reais com o programa de regularização de recursos no exterior, de acordo com o secretário da Receita, Jorge Rachid.

Nesta tarde, o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), apresentou um projeto para uma nova etapa da repatriação no ano que vem.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos