Novos diálogos entre Washington e Moscou são necessários, diz Kremlin

MOSCOU (Reuters) - As sugestões de que a Rússia teria interferido na eleição presidencial dos Estados Unidos são absurdas, e novos diálogos são necessários entre Washington e Moscou, disse nesta quarta-feira o porta-voz do Kremlin, Dmitry Peskov.

Peskov disse que o presidente da Rússia, Vladimir Putin, atualmente não possui planos de se encontrar com o atual presidente dos EUA, Barack Obama, ou com o presidente eleito, Donald Trump.

Ele disse que a Rússia espera que coordenação com os EUA sobre a crise na Síria melhore com o novo presidente dos EUA.

(Reportagem de Polina Devitt, Jack Stubbs e Maria Tsvetkova)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos