Cemig prevê ganhos em 2017 com redução de juros e programa de demissões

SÃO PAULO (Reuters) - A elétrica mineira Cemig prevê obter ganhos em 2017 devido a uma expectativa de redução gradual da taxa de juros de referência do Brasil, a Selic, e a um programa de demissões voluntárias que obteve neste ano 648 adesões, afirmou em teleconferência com investidores nesta quarta-feira o diretor financeiro da companhia, Fabiano Maia Pereira.

Ele estimou que cada ponto percentual de queda da Selic renderia cerca de 90 milhões de reais em lucro antes de impostos à empresa, devido à redução das despesas financeiras, enquanto as demissões programadas devem gerar um custo evitado de 200 milhões de reais em 2017.

(Por Luciano Costa)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos