Ilan diz que política monetária no Brasil não muda com Trump

(Reuters) - O presidente do Banco Central, Ilan Goldfajn, afirmou nesta quarta-feira que a política monetária no Brasil não muda com a eleição do presidente norte-americano, Donald Trump, bem como não acredita que a condução da política de juros dos países desenvolvidos possa mudar.

Em entrevista à impresa internacional, Ilan reforçou que a última ata do Copom continua valendo e disse que os presidentes dos bancos centrais emergentes não estão combinando ações conjuntas diante da forte volatilidade dos mercados recentemente.

(Texto de Patrícia Duarte; Edição de Luiz Guilherme Gerbelli)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos