Murray bate Nishikori em jogo de mais de 3 horas no Tour Finals

LONDRES (Reuters) - Andy Murray sofreu para superar o japonês Kei Nishikori por 6-7 (9), 6-4 e 6-4 nesta quarta-feira, no jogo mais longo desde que o ATP World Tour Finals foi transferido para Londres.

O número um do mundo teve em problemas quando Nishikori ganhou um tiebreak emocionante no set de abertura, que teve 85 minutos de duração, mas se recuperou para vencer a partida em três horas e 20 minutos.

Foi uma vingança pela derrota de cinco sets que o britânico sofreu para Nishikori nas quartas de final do Aberto dos EUA -sua última derrota em competição importante do circuito desde que engatou uma série de 21 vitórias consecutivas que permitiu que ele acabasse com as 122 semanas de Novak Djokovic no topo do ranking.

"Eu lutei muito. Kei estava me fazendo correr e estava ditando os pontos, mas então comecei a ganhar alguns pontos diretos no meu saque e fiz ele trabalhar duro em sua devolução", afirmou Murray, que luta para terminar o ano como número um.

Com duas vitórias em dois jogos no grupo John McEnroe, Murray estará garantido na semifinal se Marin Cilic derrotar Stan Wawrinka.

(Por Martyn Herman)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos