Presidente do Google se reunirá com chefe antitruste da UE na sexta

(Reuters) - O presidente-executivo do Google e a chefe antitruste da União Europeia se reunirão na sexta-feira, após o grupo de tecnologia ter rejeitado formalmente neste mês uma série de acusações, incluindo o bloqueio de rivais em anúncios de buscas online.

O presidente-executivo do Google, Sundar Pichai, se reunirá em Bruxelas com a Comissária de Competição da UE, Margrethe Vestager e o Comissário de Economia Digital e Sociedade da UE, numa turnê pela região, disseram porta-vozes do Google e da UE.

Na semana passada, o advogado geral do Google, Kent Walker, argumentou que o Android, sistema operacional da empresa, ajuda a competição, rebatendo as acusações de que a empresa utiliza a plataforma para esmagar rivais. A companhia também rejeitou acusações de que teria promovido injustamente seu serviço de compras e bloqueado os rivais em anúncios em buscas online.

Os reguladores europeus devem decidir sobre os temas em 2017, e pode mandar o Google mudar suas práticas de negócios e aplicando pesadas multas. O caso tem pairado sobre o Google desde que a Comissão Europeia abriu investigação seis anos atrás, após queixas da Microsoft e de outras rivais.

(Por Foo Yun Chee e Julia Love)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos