Não há preocupação com questão de saúde em Fukushima para Tóquio 2020, diz dirigente de beisebol

Por Chris Gallagher

TÓQUIO (Reuters) - Não há temores de jogar em Fukushima devido ao acidente nuclear de 2011 na cidade, e realizar a Olimpíada lá ou não irá depender das instalações e do cronograma, e não da questão de saúde, disse o presidente da Confederação Mundial de Beisebol e Softebol.

Riccardo Fraccari disse em Tóquio nesta sexta-feira que irá inspecionar possíveis locais de jogos em Fukushima, que sua entidade já conhece bem por ter realizado a Copa do Mundo de Beisebol Sub-15 na localidade neste ano.

"Sei da importância do beisebol e do sofetbol no Japão, e sei como isso pode facilitar a recuperação da área do desastre", disse ele a repórteres depois de se encontrar com o presidente do comitê organizador dos Jogos de Tóquio 2020, Yoshiro Mori.

"Então, se os campos de Fukushima preencherem todos os requisitos, podemos levar em consideração", afirmou, acrescentando que nada foi decidido ainda e que outros fatores devem ser avaliados, incluindo a distância de Tóquio e a programação.

Na semana passada, os organizadores da Tóquio 2020 aprovaram um plano para realizar parte das competições dos dois esportes no município de Fukushima, que fica cerca de uma hora e meia ao norte da capital japonesa de trem bala.

Partes do município foram devastadas pela combinação de terremoto, tsunami e catástrofe nuclear de março de 2011, e os organizadores estão determinados a ajudar a região a se recuperar.

Os Jogos Tóquio 2020 irão precisar da aprovação da confederação antes de apresentar propostas de locais de jogo ao Comitê Olímpico Internacional (COI), que irá tomar a decisão final na reunião de seu conselho executivo no mês que vem.

Beisebol e softebol irão voltar à Olimpíada em Tóquio pela primeira vez desde os Jogos de Pequim 2008.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos