Vendas de celulares no Brasil avançam 7,2% no 3º tri ante 2015, diz IDC

SÃO PAULO (Reuters) - O mercado de celulares do Brasil movimentou 12,6 milhões de dispositivos no terceiro trimestre, alta de 7,2 por cento ante mesmo período de 2015, afirmou nesta sexta-feira a consultoria IDC Brasil.

O crescimento veio após cinco trimestres seguidos de queda. As receitas com as vendas dos aparelhos no período somaram 10,9 bilhões de reais. Sobre o segundo trimestre, a alta nas vendas foi de 4,2 por cento.

O aquecimento do mercado refletiu a preparação para a Black Friday, neste mês, considerada a data mais importante do calendário no mercado de celulares, disse o analista da IDC Brasil, Diego Silva.

"Os varejistas anteciparam compras e abasteceram os estoques para a Black Friday, enquanto os fabricantes enxugaram os portfólios para atender a demanda com preços mais competitivos", disse Silva, em nota.

Com a alta no terceiro trimestre, a IDC agora prevê uma queda menor das vendas neste ano em relação a 2015, quando foram comercializadas 47 milhões de unidades. A previsão para 2016 era de 40,3 milhões de aparelhos.

(Por Natália Scalzaretto)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos