Padilha diz que cabe a Temer responder sobre situação de Geddel após acusações

BRASÍLIA (Reuters) - O ministro da Casa Civil, Eliseu Padilha, disse nesta segunda-feira que cabe ao presidente Michel Temer responder sobre a situação do ministro da Secretaria de Governo, Geddel Vieira Lima, alvo de acusações do ex-ministro da Cultura Marcelo Calero.

Padilha disse a jornalistas, em um intervalo da reunião do Conselho de Desenvolvimento Econômica e Social, que é o presidente que "nomeia e demite" ministros e se recusou a comentar o caso de Geddel, acusado por Calero de pressionar para a liberação, pelo patrimônio histórico, de um empreendimento imobiliário no qual adquiriu um apartamento em Salvador.

(Reportagem de Lisandra Paraguassu)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos