Trump mostra pouco interesse em abrir investigação contra Hillary, diz NY Times

WASHINGTON (Reuters) - O presidente eleito dos Estados Unidos, Donald Trump, mostrou pouco interesse em investigar a ex-rival democrata Hillary Clinton, embora não tenha descartado a opção, de acordo com publicações de um repórter do New York Times no Twitter.

Trump disse "não" quando perguntado se descarta investigar Hillary pela instituição de caridade da família ou pelo uso de um servidor pessoal de emails enquanto servia como secretária de Estado dos EUA, de acordo com publicações no Twitter durante sua entrevista ao jornal.

Mas Trump disse que não quer "prejudicar os Clinton" e quer seguir em frente. "Não busco voltar e seguir com isto", declarou Trump, segundo o repórter.

(Reportagem de Doina Chiacu)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos