Exército do Líbano detém um líder do Estado Islâmico e militantes, dizem fontes

BEIRUTE (Reuters) - O exército do Líbano deteve um líder do Estado Islâmico e outros 11 militantes em operação nesta sexta-feira perto da cidade de Arsal, na fronteira com a Síria, disseram fontes da segurança.

Ahmad Yousef Amoun, um líder do Estado Islâmico, foi ferido em troca de tiros durante a operação. O exército apreendeu uma grande quantidade de armas e explosivos, segundo as fontes.

A cidade de Arsal foi local de um grande ataque de jihadistas do Estado Islâmico e da Frente Nusra, ligada à Al Qaeda, em 2014. O Estado Islâmico ainda mantém nove soldados libaneses sequestrados pelo grupo durante o ataque.

(Por Tom Perry)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos