Furacão Otto atinge Nicarágua e Costa Rica; terremoto também abala a região

Por Ivan Castro

BLUEFIELDS, Nicarágua (Reuters) - O furacão Otto atingiu a Nicarágua e a Costa Rica com fortes ventos e chuvas torrenciais nesta sexta-feira, danificando casas, forçando a retirada de milhares de pessoas e causando um número ainda não determinado de mortes.

O furacão, que enfraqueceu rapidamente após atingir o solo na costa sudeste do Nicarágua, se tornou uma tempestade tropical no início desta sexta-feira, informou o Centro Nacional de Furacões dos EUA (NHC).

Na Costa Rica, o presidente Luis Guillermo Solis disse na quinta-feira que houve mortes, mas acrescentou ser muito cedo para dizer um número exato.

"Sinto muito informá-los... que há pessoas mortas e desaparecidas", disse Solis durante entrevista coletiva.

Otto, o sétimo furacão do Atlântico na temporada, chegou ao norte da cidade de San Juan de Nicarágua como uma tempestade de categoria 2 na escala de intensidade de cinco níveis, informou o NHC, sediado em Miami. Milhares de pessoas foram retiradas do caminho da tempestade.

O furacão se enfraqueceu para tempestade tropical, com ventos de 113 quilômetros por hora.

Pouco após a chegada da tempestade, um terremoto de magnitude 7 ocorreu a 149 quilômetros de Puerto Triunfo, em El Salvador, com profundidade de 10,3 quilômetros, segundo o Serviço Geológico dos EUA.

De acordo com os serviços de emergência de El Salvador não houve registro de danos grandes em decorrência do tremor.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos