Alemã de startups Rocket reduz prejuízo, mas ritmo de alta da receita desacelera

BERLIM (Reuters) - O grupo alemão de comércio eletrônico Rocket Internet conteve as perdas em suas principais startups no terceiro trimestre, mas o ritmo de crescimento da receita desacelerou nos negócios de entrega de alimentos HelloFresh e no site de móveis Home24.

A empresa divulgou valores atualizados para suas principais holdings, agora avaliadas em 3,7 bilhões de euros, abaixo dos 5,1 bilhões de euros apurados em setembro. Contudo, ao deixar de fora detalhes sobre alguns segmentos anteriormente incluídos na conta, a empresa levantou dúvidas entre analistas sobre o quesito transparência.

Fundada em Berlim em 2007, a Rocket desenvolveu dezenas de negócios, que variam desde comércio online de moda até entrega de alimentos, em um esforço para replicar o sucesso da Amazon e do Alibaba em novos mercados.

Buscando preparar as startups para listagem no mercado acionário e responder às preocupações de investidores sobre prejuízos acumulados, a Rocket mudou o foco para tornar os negócios lucrativos, mesmo que às custas de menor crescimento na receita.

O presidente da empresa, Oliver Samwer, reiterou nesta quarta-feira a promessa de tornar três startups rentáveis até o fim de 2017, mas se recusou a comentar sobre planos de qualquer listagem imediata de ações. Ele explicou a jornalistas em entrevista após a divulgação dos resultados que a operação dependeria das condições de mercado.

A receita agregada das startups da Rocket somou 1,58 bilhão de euros nos nove primeiros meses do ano, alta de 31 por cento ante igual período do ano anterior. O resultado sinaliza uma desaceleração em relação à alta de 32 por cento do primeiro semestre.

A margem de lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) ficou negativa em 17,5 por cento entre janeiro e setembro, o que representa uma melhora em relação aos 34,4 por cento negativos apurados no mesmo intervalo de 2015.

(Por Emma Thomasson)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos