Três mineiros morrem e cinco desaparecem após tremor em mina na Polônia

VARSÓVIA (Reuters) - Equipes de resgate procuravam nesta quarta-feira cinco mineiros que desapareceram depois que um tremor de terra provocou a queda de rochas nas profundezas de uma mina de cobre no sudoeste da Polônia, matando ao menos três pessoas, informou a operadora da mina, a KGHM .

O tremor atingiu a mina de cobre de Rudna às 18h09 (horário de Brasília) de terça-feira, disse a KGHM, causando grandes danos. Túneis centenas de metros abaixo da superfície ficaram bloqueados pelas rochas, impedindo o acesso aos mineiros desaparecidos, disseram autoridades da empresa.

"Infelizmente, neste momento temos três fatalidades e ainda cinco pessoas no subterrâneo que estamos tentando alcançar", disse o diretor da mina, Pawel Markowski, em uma coletiva de imprensa.

Segundo ele, as equipes de resgate conseguiram ver um dos mineiros desaparecidos, mas não souberam dizer se ele estava vivo.

"Ele está debaixo de um bloco enorme de rocha que pesa várias dezenas de toneladas", explicou Markowski, acrescentando que três dos mineiros desaparecidos podem estar dentro de uma câmara de máquinas que desmoronou.

A KGHM disse que a mina de Rudna, a maior mina de cobre da Europa e em operação desde 1974, tem 11 colunas que chegam a até 1244 metros abaixo da superfície.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos