Reino Unido publica projeto de lei de imposto sobre açúcar

LONDRES (Reuters) - O Reino Unido avançou nesta segunda-feira com seu plano de taxar o açúcar, publicando um projeto de lei confirmando um imposto de duas bandas para refrigentes com adição de açúcar cujo objetivo é combater a obesidade.

Ao optar por um imposto sobre o açúcar, o Reino Unido se une à Bélgica, França, Hungria e México, todos países que já impuseram alguma forma de tributação sobre bebidas com adição de açúcar.

O imposto do Reino Unido, anunciado em março, deverá entrar em vigor em abril de 2018, dando aos produtores de refrigerantes, como a Coca-Cola European Partners e a Britvic, tempo para reduzir o açúcar nos seus produtos.

As companhias, que vendem bebidas da Coca-Cola e da PepsiCo respectivamente, já têm promovido bebidas sem açúcar como a Coca Cola Zero Açúcar e a Pepsi Max cherry, que podem ser isentas do imposto.

O imposto britânico tem dois patamares, um de 0,18 libra esterlina por litro sobre refrigerantes com mais de 5 gramas de açúcar por 100 ml, e outro de 0,24 libra esterlina por litro sobre refrigerantes com mais de 8 gramas por 100 ml.

O projeto de lei foi publicado nesta segunda-feira pelo departamento responsável pela arrecadação de impostos no Reino Unido como parte de um relatório sobre mudanças às leis de impostos que o governo pretende introduzir em seu orçamento para 2017.

(Por Martine Geller)

((Tradução Redação São Paulo, 5511 56447765))

    REUTERS LM GB

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos