Preço de café premiado brasileiro tem novo recorde em leilão

SÃO PAULO (Reuters) - A saca de um café cereja descascado brasileiro de alta qualidade, premiado em concurso, registrou novo recorde em leilão realizado na terça-feira, atingindo 18.921,67 reais, informou nesta quarta-feira a Associação Brasileira de Cafés Especiais (BSCA).

O preço registrado no leilão "Pulped Naturals", que reuniu lotes de cafés premiados no concurso Cup of Excellence 2016, é mais de 30 vezes superior o valor de mercado para um produto do mesmo gênero, superando o recorde anterior de 16,6 mil reais, em certame em 2014.

Os dois maiores lances foram dados ao lote do produtor José Joaquim Oliveira, da Fazenda Santa Bárbara, localizada em Piatã (BA), na Chapada Diamantina, que foi adquirido em duas frações, segundo a associação de cafés especiais BSCA.

A primeira ficou com as empresas japonesas Maruyama Coffee, Toa Coffee, Sarutahiko Coffee e Saza Coffee e a segunda com a companhia inglesa Difference Coffee.

Os altos lances demonstram um crescente interesse dos estrangeiros pelo produto brasileiro, que avança a cada dia no conceito da qualidade mundo afora, afirmou a diretora da BSCA, Vanusia Nogueira.

Segundo ela, o resultado do leilão contribui para reforçar a imagem dos cafés brasileiro em todo o mundo e posicionar o país como fornecedor de produto de alta qualidade.

O concurso integra uma parceria com a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil), que tem como foco a promoção comercial de cafés especiais brasileiros no mercado externo.

Ao término dos negócios, a venda de todos os lotes do leilão gerou receita total de 981,4 mil reais. O valor médio pago pela saca foi de 4.089,23 reais ou 8,94 dólares por libra-peso, cotação que representa substancial alta de 548 por cento na comparação com o fechamento do dia na Bolsa de Nova York.

Quando se toma como referência o maior lance do pregão, equivalente a 41,30 dólares/libra-peso, esse percentual salta para aproximadamente 3 mil por cento sobre a cotação referência da bolsa, segundo a BSCA.

Os 24 vencedores da categoria “Pulped Naturals” foram produzidos em propriedades situadas em quatro origens produtoras: Chapada Diamantina (BA), Montanhas do Espírito Santo, Matas de Minas e Indicação de Procedência da Mantiqueira de Minas Gerais, acrescentou a associação.

(Por Roberto Samora)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos