Autoridades mexicanas encontram 110 imigrantes presos num caminhão

CIDADE DO MÉXICO (Reuters) - Autoridades mexicanas encontraram 110 imigrantes que se dirigiam para os Estados Unidos, vindos principalmente da América Central, presos na traseira de um caminhão depois que ele bateu num outro veículo no Estado de Veracruz, no leste do país, disse o governo nesta quinta-feira.

A descoberta ocorre depois de alertas de países da América Central sobre o grande número de cidadãos pobres que estavam tentando chegar aos EUA antes de o presidente eleito Donald Trump assumir o poder em 20 de janeiro. Trump prometeu intensificar a segurança na fronteira.

O caminhão estava cheio de imigrantes da Guatemala, El Salvador, Honduras e Equador, e autoridades puderam ouvir os pedidos de socorro à medida que se aproximaram do veículo, segundo comunicado do governo.

O motorista deixou o local da batida, acrescentou o comunicado.

Os imigrantes do grupo, que incluía 48 menores, tinham problemas de saúde, lesões na pele, e alguns mostravam sinais de sufocamento.

(Reportagem de Joanna Zuckerman Bernstein)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos