Aécio diz que PSDB será principal parceiro do governo Temer até o final

BRASÍLIA (Reuters) - O presidente nacional do PSDB, senador Aécio Neves (MG), disse nesta quarta-feira que o partido será o principal parceiro do governo do presidente Michel Temer até o final.

Em meio ao impasse da nomeação do líder do PSDB na Câmara dos Deputados, Antonio Imbassahy (BA), para a Secretaria de Governo e a notícias de que os tucanos poderiam deixar de apoiar o governo, Aécio disse que dar suporte às reformas estruturais e a medidas macroeconômicas em curso é o melhor que o partido pode fazer pelo país.

As declarações de Aécio foram feitas a jornalistas depois de reunião com o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, e senadores, a maior parte deles tucanos, para discutir medidas econômicas após aprovação da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que limita os gastos públicos e perspectivas para a economia em 2017.

(Reportagem de Marcela Ayres)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos