Ações dos EUA perdem terreno após rali impulsionado por eleição de Trump

(Reuters) - Os índices norte-americanos de ações caíram nesta quarta-feira, com as ações de saúde e setor imobiliário perdendo terreno um dia após o Nasdaq e o Dow Jones atingirem máximas recordes.

O índice Dow Jones recuou 0,16 por cento, a 19.941 pontos e o S&P 500 perdeu 0,25 por cento, a 2.265 pontos. O Nasdaq caiu 0,23 por cento, encerrando a 5.471 pontos.

O Dow subiu brevemente e ficou a 15 pontos dos 20 mil pontos, nível que nunca foi atingido, mas devolveu os ganhos e passou a maior parte da sessão no vermelho.

As ações dispararam desde a eleição de 8 de novembro, com o Dow em alta de 9 por cento e o S&P 500 subindo 6 por cento, por apostas de que os planos do presidente eleito Donald Trump de desregulamentação e em infraestrutura impulsionarão a economia.

Alguns investidores estão preocupados que o chamado "rali Trump" tenha encarecido as ações e que os legisladores resistam a reduções de impostos e outras políticas que podem ampliar o déficit fiscal.

"As pessoas estão dando uma pausa e querem ver o que vai acontecer", disse o diretor de investimentos da Cornerstone Financial Partners, Chris Zaccarelli. "Nos primeiros 100 dias no cargo, será importante ver quais leis eles conseguirão aprovar no Congresso e quais serão rejeitadas".

(Por Noel Randewich; reportagem adicional por Tanya Agrawal)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos