Menina síria de 7 anos que tuitava de Aleppo se encontra com presidente turco Erdogan

ISTAMBUL (Reuters) - A menina síria de 7 anos que chamou a atenção do mundo com mensagens no Twitter sobre a guerra na cidade de Aleppo se encontrou com o presidente turco, Tayyip Erdogan, no palácio presidencial em Ancara nesta quarta-feira.

Fotos publicadas na conta oficial de Erdogan no Twitter mostraram o presidente abraçado com Bana Alabed e a menina síria no colo do presidente, ao lado de familiares.

Bana e sua mãe, Fatemah, foram retiradas em segurança de Aleppo junto a 25 mil outras pessoas que estavam na parte leste da cidade, controlada pelos rebeldes, nesta semana. A Turquia apoia os rebeldes contra o presidente sírio, Bashar al-Assad.

"Fiquei satisfeito por ter hospedado @AlabedBana e sua família no Complexo Presidencial hoje. A Turquia sempre estará com o povo da Síria", disse Erdogan em sua conta oficial no Twitter.

Ajudada por sua mãe, que gerencia a conta @AlabedBana, Bana Alabed publicou fotos e vídeos da vida durante a guerra síria de quase seis anos, ganhando cerca de 352 mil seguidores no site de microblogs desde setembro.

O ministro das Relações Exteriores da Turquia, Mevlut Cavusoglu, disse que Bana e sua mãe foram retiradas de Aleppo para serem levadas para a Turquia com sua família.

A eventual partida de milhares de pessoas deixadas na zona insurgente de Aleppo vai dar o controle total da cidade à Assad, o que seria o maior prêmio da guerra civil de quase seis anos.

(Por Daren Butler)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos