Enviado da ONU pede cessar-fogo na Síria para evitar "próxima Aleppo"

GENEBRA (Reuters) - Uma cessação de hostilidades na Síria é vital para evitar outra batalha mortal como a que ocorre em Aleppo, disse nesta quinta-feira o enviado especial da Organização das Nações Unidas Staffan de Mistura.

Ao menos 35 mil pessoas, sendo elas civis ou combatentes, foram retiradas do leste de Aleppo durante uma operação de uma semana, segundo números mais recentes da ONU.

"Muitas delas foram para Idlib, que pode se tornar a próxima Aleppo", alertou De Mistura.

(Reportagem de Stephanie Nebehay)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos