Feira natalina atacada de Berlim reabre com velas e barreiras

BERLIM (Reuters) - Cercado por barreiras de concreto, o mercado natalino de Berlim que foi atacado com um caminhão nesta semana reabriu nesta quinta-feira com velas, flores e bandeiras depositadas entre as barracas festivas em homenagem às 12 pessoas mortas.

Dezenas de visitantes caminhavam ao longo das fileiras à medida que as barracas que vendem salsichas tradicionais, vinho quente, bolo de gengibre e presentes de Natal abriam, parando em um memorial improvisado para prestar suas homenagens. Os donos das barracas acendiam velas sob um cartaz com os dizeres "Estamos tristes".

"Acho que é muito bom que o mercado natalino esteja aberto novamente. Isso nos faz parecer mais fortes, não mais fracos", disse Sema Ozcan, uma turca que mora em Berlim.

Trabalhadores cercaram o mercado com grandes barreiras de concreto concebidas para evitar uma repetição do ataque de segunda-feira à noite, quando um caminhão foi lançado contra a multidão. O motorista fugiu, e um suspeito tunisiano está sendo procurado pela polícia.

Medidas preventivas similares foram adotadas em outros mercados natalinos da Alemanha na esteira do atentado, que chocou o país e provocou um reforço na segurança de eventos relacionados ao Natal em outras partes da Europa.

Mais de 60 outros mercados de Natal em toda a capital alemã reabriram sob um esquema de segurança reforçado na quarta-feira.

(Da Reuters TV)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos