Escritor lembra clima tenso de primeiro show de George Michael na China

Por Cate Cadell

PEQUIM (Reuters) - O ambiente estava estranhamente contido quando George Michael, então parte da dupla pop britânica Wham!, subiu ao palco do Ginásio dos Trabalhadores de Pequim em abril de 1985, relembrou um dos espectadores da hoje lendária primeira apresentação de um artista pop ocidental na China comunista.

Cerca de 15 mil pessoas viram Michael e o colega Andrew Ridgely cantarem sucessos como "Careless Whisper" e "Wake Me Up Before You Go-Go" diante dos olhares austeros da polícia.

"Eu nunca tinha visto tantos policiais na minha vida", contou Mao Danqing, hoje um escritor conhecido que esteve no show, à Reuters nesta segunda-feira.

O aparato de segurança era tão intimidante que as pessoas ficaram tímidas demais para emitir qualquer som durante as músicas, disse Mao.

"Quando você vê aquele tanto de policiais, se sente aterrorizado. Todos se sentavam em seções separadas, e cada seção tinha policiais enfileirados na frente, encarando a plateia", lembrou.

George Michael, que se tornou um dos ídolos pop dos anos 1980 com o Wham! e depois forjou uma carreira solo de sucesso, às vezes com letras de apelo sexual, morreu em sua casa na Inglaterra aos 53 anos de idade.

Em 1978, a China adotou reformas econômicas históricas na esteira do caos da Revolução Cultural, e o regime manteve controles rigorosos sobre músicas e filmes ocidentais durante os anos 1980. A música do Wham! e de seus contemporâneos continuou proibida, e as autoridades restringiram as notícias sobre o espetáculo.

Mao ganhou seu ingresso de sua universidade – um de vários que receberam lotes de entradas para alunos de literatura.

"Nós éramos como páginas em branco na época. Eu jamais havia visto nada como aquilo na minha vida", afirmou Mao, que contou ter se sentado atrás de estudantes norte-coreanos.

"Na minha frente, os estudantes estrangeiros se levantaram para dançar, e rapidamente a polícia chegou e lhes mandou sentar", disse.

Apesar do clima tenso, o show de Pequim se tornou uma lenda entre a nata dos roqueiros chineses.

"Eles certamente causaram impacto na China", disse Kaiser Kuo, líder da Tang Dynasty, banda de metal popular na década de 1980.

"Todo mundo conhecia as canções do Wham!, até pessoas que viriam a fazer música que divergia radicalmente do pop".

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos