Demanda da China por diesel deve subir às vésperas do Ano Novo Lunar

CINGAPURA (Reuters) - A demanda por diesel na China deve ganhar força às vésperas do Ano Novo Lunar, conforme operadores estocam barris antes das festividades e com uma maior atividade de construção em algumas áreas, disseram quatro fontes do mercado nesta quinta-feira.

A demanda implícita por diesel em outubro na China, o segundo maior consumidor de petróleo do mundo, subiu para 3,4 milhões de barris por dia, alta de 6,4 por cento ante setembro e de 1,3 por cento na comparação com o mesmo mês do ano anterior, segundo cálculos da Reuters utilizando dados oficiais.

Esse é o maior nível desde ao menos março deste ano, com a demanda implícita por diesel tendo crescido em apenas três meses do ano até o momento, segundo os dados.

A demanda por diesel em novembro e dezembro deverá ser ainda maior, disseram os operadores.

"A China está com muitas políticas para impulsionar a economia agora, então a demanda vai ter uma ligeira retomada, mas a questão é o quanto", disse uma fonte em uma refinaria estatal.

A economia da China parece pronta a atingir sua meta de crescer entre 6,5 por cento e 7 por cento, conforme maiores gastos do governo e uma maior demanda por imóveis têm gerado um boom no setor de construção. O diesel é utilizado no país principalmente para abastecer caminhões e para a construção.

(Por Jessica Jaganathan)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos