Ex-presidente iraniano Akbar Hashemi Rafsanjani morre de ataque cardíaco, diz mídia estatal

DUBAI (Reuters) - O ex-presidente iraniano, Akbar Hashemi Rafsanjani, morreu neste domingo em um hospital em Teerã, para o qual foi levado após sofrer um ataque cardíaco, informou a mídia estatal.

Conforme a Press TV, Rafsanjani morreu aos 82 anos de ataque cardíaco, apesar dos esforços dos médicos para salvá-lo.

Rafsanjani era uma figura influente no Irã, tendo digirido o Conselho de Conveniência, órgão destinado a resolver disputas entre o parlamento e o Conselho dos Guardiães da Constituição.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos