Frente Parlamentar vai sugerir a Temer criação de Ministério da Segurança Pública

BRASÍLIA (Reuters) - Representantes da Frente Parlamentar da Segurança Pública, acompanhados do presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), terão reunião com o presidente Michel Temer na quarta-feira para sugerir a criação de um ministério específico para a área.

Dias após chacinas em presídios brasileiros que provocaram quase cem mortes, o presidente da frente, deputado Alberto Fraga (DEM-DF), e coordenadores regionais irão sugerir, na manhã da quarta-feira, que Temer aproveite a estrutura da Secretaria Nacional de Segurança Pública, vinculada ao Ministério da Justiça, para transformá-la em ministério.

“É inadmissível que diante de uma questão tão grave você não aja, vamos dizer assim, botando o dedo na ferida”, disse Fraga à Reuters por telefone.

“A Constituição prevê que a segurança pública é responsabilidade de todos, é dever da União, do Estado, é da responsabilidade de todos”, afirmou.

O ministro da Justiça, Alexandre de Moraes, também deve participar da reunião.

 

(Reportagem de Maria Carolina Marcello)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos