Pesquisa indica que Fillon venceria Le Pen em 2º turno de eleição presidencial francesa

PARIS (Reuters) - O ex-primeiro-ministro conservador da França François Fillon venceria a líder da extrema-direita Marine Le Pen por 64 por cento a 36 por cento em um eventual segundo turno da eleição presidencial francesa, indicou pesquisa nesta terça-feira.

No entanto, se o independente Emmanuel Macron chegar ao segundo turno contra Fillon, o ex-ministro da Economia venceria por 52 por cento a 48 por cento, disse a pesquisa do Ifop Fuducial para a Paris Match.

A pesquisa ecoou o que levantamentos recentes já haviam apontado, Fillon perdendo força, com sua fatia do eleitorado no primeiro turno caindo para entre 24 e 25 por cento, contra 27,5 por cento há um mês e dependendo de quem for o candidato socialista.

Embora ele ainda apareça como vencedor no segundo turno, esse patamar o coloca atrás de Le Pen, que aparece com até 26,5 por cento no primeiro turno.

Enquanto isso, Macron ficaria com entre 17 e 20 por cento dos votos no primeiro turno, de acordo com a pesquisa. No entanto, ele ficaria com parte dos entre 5 e 5,7 por cento dos votos destinados ao centrista François Bayrou caso ele desiste de concorrer.

A pesquisa, que tem margem de erro de 1,3 ponto percentual, foi realizada entre os dias 3 e 6 de janeiro e baseada em uma amostra de 1.860 pessoas registradas para votar.

(Reportagem de Leigh Thomas)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos