Indicado ao Departamento de Estado dos EUA diz que não concorda com Trump sobre armas nucleares

WASHINGTON (Reuters) - O indicado ao Departamento de Estado dos Estados Unidos, Rex Tillerson, disse nesta quarta-feira que ele não concorda com os comentários do presidente eleito Donald Trump de que não seria ruim se outros países, incluindo o Japão, adquirissem armas nucleares.

Questionado pelo senador democrata Edward Markey sobre os comentários de Trump, Tillerson disse durante sua audiência de confirmação no Senado que ele não achava que alguém defenderia mais armas nucleares no planeta.

Pressionado ainda mais por Markey sobre se ele concordava ou não com os comentários de Trump, Tillerson respondeu: "Eu não concordo".

(Por Yeganeh Torbati)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos