Trump diz que diretor de Inteligência Nacional denunciou relato "fictício" sobre Rússia

WASHINGTON (Reuters) - O presidente eleito dos Estados Unidos, Donald Trump, disse nesta quinta-feira que o diretor de Inteligência Nacional dos EUA, James Clapper, telefonou para ele para denunciar o relato "falso e fictício" sobre um dossiê que aponta comportamento indecente de Trump na Rússia.

Clapper, em comunicado publicado na quarta-feira, disse ter conversado com Trump durante a noite e disse ter falado ao presidente eleito que não acredita nos vazamentos da mídia do relatório vindo da comunidade de inteligência.

"James Clapper me ligou ontem para denunciar o relato falso e fictício que foi circulado ilegalmente. Fatos criados, mentirosos. Muito ruim!", escreveu Trump em publicação no Twitter.

(Reportagem da Redação de Washington)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos