Kerry diz ser "inapropriado" mencionar possível mudança de embaixada dos EUA para Jerusalém

WASHINGTON (Reuters) - O secretário de Estado dos Estados Unidos, John Kerry, disse no domingo que seria inadequado incluir no comunicado de uma reunião realizada em Paris sobre a paz entre israelenses e palestinos uma menção sobre planos do presidente eleito Donald Trump de transferir a embaixada dos EUA para Jerusalém.

"Isto está sendo debatido publicamente em casa e não pertence a instâncias internacionais neste momento. É inapropriado", disse Kerry a repórteres depois de uma reunião de 70 países sobre o fim do conflito israelense-palestino.

O comunicado da reunião de um dia no domingo reafirmou que apenas uma solução de dois Estados entre israelenses e palestinos poderia resolver o conflito e advertiu que os signatários não reconheceriam quaisquer medidas unilaterais tomadas por qualquer dos lados que possam prejudicar as negociações.

Kerry também disse que espera que a nova administração norte-americana concorde em participar de conversações no final deste mês no Cazaquistão com a Rússia, Irã e Turquia, para acabar com o conflito sírio.

(Por Lesley Wroughton)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos