Vendas contratadas da MRV caem 6% no 4º tri; lançamentos desabam 34%

SÃO PAULO (Reuters) - A construtora especializada em imóveis para famílias de baixa renda MRV informou nesta segunda-feira que suas vendas contratadas no quarto trimestre somaram 1,29 bilhão de reais, queda de 6,2 por cento ante mesma etapa de 2015.

Mas a redução no volume de cancelamentos de vendas diminuiu o impacto sobre a receita líquida, que totalizou 1 bilhão de reais no período, queda de 1,6 por cento na comparação anual.

O co-presidente-executivo da MRV, Rafael Menin, disse que as vendas brutas teriam sido maiores se a empresa não tivesse tido problemas com aprovações em cidades estratégicas.

"Infelizmente, a emissão de licenças sofreu atrasos em várias cidades estratégicas, afetando nossas vendas brutas", disse Menin, sem informar as cidades. "Não é um problema de demanda. É mais uma questão burocrática", disse.

Apesar disso, o executivo disse que a empresa continuará a entregar fortes resultados, enquanto amplia esforços para reduzir distratos e crescer o estoque de terrenos.

No quarto trimestre, os distratos (cancelamentos) representaram 22,1 por cento das vendas brutas, queda de 3,6 pontos percentuais em relação ao mesmo trimestre de 2015.

A melhora mostra que MRV foi bem sucedida em medidas como registrar a venda somente após obterem aprovação dos bancos para o financiamento imobiliário dos compradores.

A MRV também deve acelerar lançamentos neste primeiro trimestre, após uma alta na concessão de alvarás de construção emitidos em novembro e dezembro, disse Menin. Em unidades, os lançamentos do quarto trimestre caíram 37 por cento, para 6.777, enquanto o valor de novos projetos caiu 34 por cento, para 1,07 bilhão de reais.

O valor do banco de terrenos da companhia subiu para 41,1 bilhões de reais em dezembro, alta de 23 por cento sobre um ano antes.

(Por Ana Mano)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos