Petrobras vai receber R$81 mi em acordo da leniência da Rolls-Royce por corrupção

RIO DE JANEIRO (Reuters) - A Petrobras disse nesta quinta-feira que vai receber cerca de 81 milhões de reais da britânica Rolls-Royce, após a fornecedora ter firmado acordo de leniência com o Ministério Público Federal (MPF), onde reconhece ter participado de um esquema bilionário de corrupção, investigado pela Operação Lava Jato.

Nesta semana, a Rolls-Royce informou ter fechado acordos com autoridades do Brasil, da Grã-Bretanha e dos Estados Unidos, que previam pagamentos totais de 671 milhões de libras (ou 809 milhões de dólares).

O pagamento à Petrobras deve acontecer até 90 dias contados a partir da homologação do acordo pela 5ª Câmara de Coordenação e Revisão do Ministério Público Federal.

A Petrobras frisou, em nota, que o MPF vê a Petrobras como vítima e que, por isso, o acordo prevê a devolução integral do lucro líquido obtido pela Rolls-Royce em seis contratos de fornecimento de bens e serviços para a Petrobras, dentre outros valores, incluindo uma multa prevista na Lei de Improbidade.

Segundo a Petrobras, antes dos recursos referente à Rolls-Royce, os acordos de colaboração premiada e de leniência firmados pelo MPF relacionados à Lava Jato já possibilitaram a recuperação de 661 milhões de reais para a petroleira.

No total, a Petrobras busca receber 5,5 bilhões de reais na Justiça referentes à Lava Jato, em oito ações de improbidade administrativa, além de outras medidas jurídicas contra empresas e pessoas, inclusive ex-funcionários e políticos, que causaram danos financeiros e à imagem da companhia.

(Por Marta Nogueira)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos