Relator da Lava Jato no STF, Teori Zavascki estava em avião que caiu no RJ, bombeiros confirmam 3 mortes

Por Maria Carolina Marcello

BRASÍLIA/SÃO PAULO (Reuters) - O ministro Teori Zavascki, relator da Lava Jato no Supremo Tribunal Federal (STF), estava em uma aeronave que caiu próximo de Paraty (RJ) nesta quinta-feira, deixando ao menos três mortos.

A informação de que Teori estava no avião foi dada por Francisco Prehn Zavascki, seu filho, em sua conta no Facebook. "Amigos, infelizmente, o pai estava no avião que caiu! Por favor, rezem por um milagre!", postou o filho.

Os bombeiros disseram que chovia muito e que tinham conseguido visualizar três vítimas presas no avião, que se encontrava submerso.

Como relator da Lava Jato, Teori, de 68 anos, é responsável por decidir homologar ou não o acordo de delação premiada de 77 executivos da Odebrecht, esperada para fevereiro. O acordo é apontado como de potencial explosivo para boa parte da classe política que teve nome citado pelos executivos da empreiteira.

O presidente Michel Temer chegou a se ausentar por alguns instantes na tarde desta quinta-feira da cerimônia de apresentação de cartas de credenciais de embaixadores, no Palácio do Planalto, mas a assessoria da Presidência não pôde dizer se Temer tinha sido informado da queda do avião.

Teori se tornou ministro do Supremo em novembro de 2012 e a relatoria da Lava Jato é o caso mais proeminente assumido por ele desde que chegou à corte.

(Reportagem adicional de Raquel Stenzel)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos