Allegri escala time ofensivo e Juventus arrasa Lazio pelo Italiano

(Reuters) - O treinador da Juventus, Massimiliano Allegri, não deu ouvidos aos críticos após a derrota da última semana para a Fiorentina e a líder do Campeonato Italiano acabou vencendo a Lazio por 2 x 0 neste domingo.

Allegri, que é assumidamente pragmático, colocou em campo um time ultraofensivo e a estratégia rapidamente deu certo, com sua equipe batendo uma sonolenta Lazio com gols de Paulo Dybala e Gonzalo Higuain no começo da partida, chegando à 27a vitória consecutiva em casa no Italiano.

"Eu não perco muito tempo em teorias. Apenas ponho minhas ideias em campo mesmo que elas sejam estranhas", disse Allegri aos jornalistas. "Foi uma das soluções que encontrei e os jogadores me deram uma ótima resposta."

A Juve tem 48 pontos, quatro a mais que a Roma, que também jogou 20 partidas e encara o Cagliari ainda neste domingo.

O Napoli tem 44 pontos após a vitória por 2 x 1 sobre o Milan no sábado. Já a Lazio é a quarta colocada com quatro pontos a menos que o Napoli após 21 partidas.

A Juve entrou em campo neste domingo com três atacantes mais o ponta Juan Cuadrado e adotou defesa com quatro homens, em uma resposta de Allegri aos críticos depois do desempenho pobre em Florença na última rodada.

Dybala abriu o placar aos cinco minutos após completar cabeceio de Mario Mandzukic para o gol. O também argentino Higuain ampliou depois de se meter entre dois zagueiros e marcar em cruzamento de Juan Cuadrado para anotar seu 14º gol na temporada.

Higuain ainda teve um gol anulado, ao passo que o zagueiro Leonardo Bonucci teve a chance de ampliar mas errou o gol após cruzamento do artilheiro argentino.

SUPER MARIO

A Inter de Milão chegou à sexta vitória consecutiva no Italiano graças a João Mario, que saiu do banco de reservas para fazer o único gol da vitória fora de casa diante do Palermo, disputada sobre forte chuva.

Cristian Ansaldi, da Inter, e Alessandro Gazzi, do Palermo, foram expulsos nos últimos dez minutos de jogo, já que o gramado encharcado favorecia jogadas violentas.

Robin Quaison chegou a empatar para o Palermo mas o gol foi anulado porque o árbitro não havia autorizado Alessandro Diamanti a cobrar a falta que originou o lance.

A vitória colocou a Inter em quinto com 39 pontos.

Blerim Dzemaili fez dois gols para o Bologna na vitória por 2 x 0 sobre o Torino, que sofreu com a ausência do artilheiro Andrea Belotti, suspenso.

Alessandro Matri marcou duas vezes e o Sassuolo bateu o lanterna Pescara por 3 x 1, sendo o segundo deles um chute quase sem ângulo que mais parecia um cruzamento.

Giovanni Simeone, filho do treinador do Atlético de Madri Diego, foi às redes pelo Genoa, mas a equipe cedeu o empate duas vezes para o visitante Crotone. 2 x 2.

O rebaixamento já parece uma realidade para Palermo e Crotone, ambos onze pontos atrás do primeiro time livre da zona da degola, e para o Pescara, que tem um ponto a menos que os vizinhos de tabela.

(Por Brian Homewood)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos