Japão diz que prepara todas as contingências possíveis sobre comércio com EUA

Por Tetsushi Kajimoto

TÓQUIO (Reuters) - O Japão está preparando todas as contingências possíveis em relação às negociações comerciais com os Estados Unidos, afirmou nesta sexta-feira o principal porta-voz do governo japonês, depois que o presidente dos EUA, Donald Trump, decidiu sair de um acordo de livre comércio Ásia-Pacífico nesta semana.

O primeiro-ministro japonês, Shinzo Abe, está buscando marcar uma visita a Washington no próximo mês, e autoridades da administração Trump disseram que o presidente buscará um rápido avanço na direção de um acordo comercial bilateral com o Japão no lugar da Parceria Transpacífico (TPP).

"É verdade que estamos nos preparando para poder responder a qualquer situação possível", disse o secretário-chefe do Gabinete, Yoshihide Suga, em entrevista à imprensa.

Suga evitou comentar sobre a política comercial dos EUA até que ela esteja mais clara.

"A aliança e a economia entre Japão e EUA são muito importantes, então gostaríamos de negociar em vários níveis com os EUA sobre como podemos avançar", disse.

Trump reiterou na quinta-feira que prefere fechar vários acordos bilaterais separados em vez de acordos multilaterais como a Parceria Transpacífico.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos