Benzema não tem tratamento especial no Real Madrid, diz Zidane

MADRI (Reuters) - O treinador do Real Madrid Zinedine Zidane disse que dá nenhum tratamento especial ao atacante Karim Benzema, que passa por jejum de gols ao ter marcado apenas uma vez nos últimos três meses. 

Benzema fez ao todo cinco gols no Campeonato Espanhol nas onze vezes em que foi titular, menos do que o zagueiro Serge Ramos, e tem sido um bode expiatório da recente queda de desempenho do Real, que agora tem apenas uma vitória nos últimos quatro jogos justamente após emplacar o recorde de 40 partidas sem perder.

Benzema, de 29 anos, é visto na mídia espanhola como um dos atletas favoritos do presidente do clube, Florentino Perez, e também como alguém que tem laços mais fortes com o treinador Zidane, francês como ele e que foi responsável pela contratação do atleta em 2009 vindo do Lyon por 30 milhões de euros.

"Eu não trato Karim de forma mais favorável. Ele é centroavante do Real como Morata e Mariano. Eu não gosto que ele seja criticado e acho o mesmo de todos os meus jogadores", disse Zidane em entrevista coletiva antes do jogo desde domingo diante da Real Sociedad.

"Eu sei onde vocês querem chegar com essas perguntas, mas a única coisa que eu e Karim temos em comum e que é diferente do resto do grupo é o idioma. Eu trato todos os jogadores de forma igual."

Benzema foi duramente criticado pelo desempenho ruim no empate em 2 x 2 com o Celta de Vigo na quarta-feira, que fez o Real ser eliminado da Copa do Rei com 3 x 2 para o Celta no placar agregado.

As estatísticas mostraram que Benzema sequer entrou na pequena área adversária em nenhum momento durante a partida. 

"Não há motivo para se preocupar com Karim, ele está tendo uma grande temporada. Nós sabemos o que ele pode oferecer dentro de campo, tem o caráter e a personalidade para nos dar mais", acrescentou Zidane. 

Apesar das lesões e dos jogos ruins, Benzema foi titular em seis jogos a mais que o atacante espanhol Alvaro Morata, que retornou ao Real vindo da Juventus por 30 milhões de euros em 2016.

A mídia espanhola divulgou que Morata está procurando deixar o Real após se frustrar com a falta de oportunidades, embora o atacante tenha procurado despistar as especulações ao escrever em sua conta no Instagram: "Eles podem dizer o que quiserem, mas 'Hala, Madrid!'"

O Real é o líder do Campeonato Espanhol com 43 pontos, um a mais que o Sevilla e dois à frente do Barcelona, com um jogo a menos que os dois principais rivais na briga pelo título.

(Por Richard Martin)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos