CMN autoriza renegociação de operações de crédito rural de safras de milho contratadas em 2016

SÃO PAULO (Reuters) - O Conselho Monetário Nacional (CMN) autorizou a renegociação de operações de crédito rural destinadas à cultura do milho contratadas em 2016, em função da seca que atinge partes da região Nordeste, segundo resolução publicada pelo Ministério da Fazenda nesta sexta-feira.

Essas parcelas contratadas no ano passado poderão ser renegociadas pelo prazo de até 5 anos, de acordo com decisão do CMN.

Uma resolução de novembro de 2016 já autorizava a renegociação de operações de crédito rural de custeio ou investimento destinadas à safra de milho contratadas por produtores ou cooperativas rurais em 2015, com vencimento entre 1º de janeiro de 2016 e 31 de dezembro de 2016.

A alteração da mesma resolução passa a incluir operações de custeio contratadas em 2016 com vencimento programado para 2017, uma vez que esses empreendimentos tiveram sua produção prejudicada pela seca que assola partes dos Estados de Sergipe e Bahia.

(Por Laís Martins)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos